top of page
  • Felipe S. Brandão

Praia, sol, verão e carro na areia.


Carro na areia

Final de ano é sinônimo de férias para muitos, e pensando em férias logo pensamos em praia a associação é automática não tem jeito.


Praia, cachaça, bagunça e muita baboseira na areia da praia. Mas aqui é um blog onde falamos de carros e mundo automotivo, o que isso tem a ver com praia? É que muitos muitos motoristas levam os carros pra onde não deveriam e todo ano vemos cenas de carros atolados até o teto na areia.


Vai passear? Deixe o carro longe da areia fofa, não estaciona próximo ao mar, onde a maré pode pegar seu carro. Seu SUV de shopping não foi feito para areia fofa da praia, muito menos quando ela estiver molhada com a água salgada.


Só a areia em si já pode ser bem danosa aos componentes do carro, com água salgada fica pior ainda.


Água salgada e areia, o que pode danificar no carro?


No geral nos automóveis, as primeiras vítimas da maresia são justamente as partes que existem para evitar a entrada de areia no motor do carro.

  • palhetas

  • limpadores

  • grades de proteção

  • coifas dos amortecedores

  • proteções das alavancas do câmbio

  • conexões elétricas

  • terminais digitais

  • pisca alerta

  • faróis e painéis.

Tudo isso deteriora rápido por conta da ação do sal, areia e maresia. Cada vez mais presentes nos carros mais novos. Os componentes elétricos sofrem oxidação devido à ação da água salgada e da areia, causando falhas elétricas e defeitos em funções básicas dos carros.


Seguro troca a bateria do meu carro?


Não vai ser na primeira voltinha que vai gerar todos esses problemas, mas é bom evitar e com o tempo, acumulo de sujeira e detritos os problemas tendem à piorar.


Atolamento na areia!


Dependendo de como o carro ficou atolado na areia, quando se faz a remoção pode até causar prejuízos na lataria e presilhas de fixação se soltarem. O que é mais um prejuízo ao bolso.


Para desatolar é Importante não forçar muito se puder peça ajuda para alguém rebocar.

Sempre procure ganchos atrás ou à frente embaixo dos para-choques para amarrar uma corda ou cabo próprio, nunca prenda em outras partes do carro como no para choque diretamente.


Água salgada é bom evitar!


Carros expostos à maresia prolongada já sofrem mais como explicamos acima. Ainda correm mais riscos de enferrujar partes da lataria.


Água é algo que é sempre bom evitar nos carros, à não ser na lataria para limpeza. rs


Água salgada então, ainda mais prejudicial ao motor, partes mecânicas e elétricas.


O primeiro componente que sofre é o rolamento das rodas, este tem uma vedação, mas caso se deteriore a água consegue entrar e danificar a peça com mais rapidez.


O mesmo também ocorre com borrachas, buchas e outras peças também atingidas pelo sal.


O carro ficou atolado na areia, o seguro cobre?


Mas vamos lá! Suponhamos que foi pra praia, se exibiu para os amigos e os desconhecidos que não tem nada ver com sua vida. Fez sua graça e o carro ficou preso e precisou chamar o seguro.


Neste caso a seguradora nada vai fazer por você, podem até rebocar seu carro. Mas é capaz de nem mandaram guincho, pois se trata de via não apropriada para veículos.

Devem recusar a indenização do seguro em caso de acionamento pois não tem cobertura para problemas causados por água salgada.


Afinal seu carro não é uma lancha, e seu SUV de shopping não foi feito para o mar.


Fica a dica evita dar sorte ao azar e não vá com o carro pra areia.


Se a água passar da metade dos pneus, desligue o carro e não dê partida, até que o nível diminua. Qualquer oscilação para além do para além do nível das rodas significa alto risco de calço hidráulico, quando o motor está em funcionamento.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page